Largo da Matriz Nossa Senhora do Ó, s/n - Freguesia do Ó

Tel. 3932-1702


A Freguesia do Ó teve início em 1580, quando o bandeirante Manuel Preto se instalou numa fazenda na Vila de São Paulo após 26 anos de sua fundação. Ele e sua mulher, Águeda Rodrigues, obtiveram despacho favorável em 29 de setembro de 1615 ao requerimento de provisão que fizeram, pelo motivo de não poderem cumprir suas obrigações religiosas na vila, juntamente com sua gente. Iniciaram nessa época a construção de uma capela dedicada à virgem sob a denominação de Nossa Senhora da Esperança ou da Expectação. O nome do bairro originou-se devido à festa em que se recitavam as antífonas iniciadas com o vocativo "Ó", de vésperas, no breviário romano, na proximidade do natal.

 

Em 1796, foi inaugurada a nova igreja dedicada à Virgem do Ó, construída onde hoje se situa o largo da matriz velha, e se tornou Paróquia pelo Alvará de Constituição de 15 de setembro de 1796, concedido pela Rainha de Portugal. Essa igreja foi destruída em 1896, quando ao tentar espantar com fogo um enxame de abelhas instaladas na torre, o sacristão a incendiou. A atual igreja matriz de Nossa Senhora do Ó foi inaugurada em 1901, construída em local próximo da anterior, na praça da matriz, que lembra muito uma cidadezinha do interior. Existem ainda construções antigas anteriores ao séc XX que, permeadas das novas construções, criam um misto de nostalgia e progresso.  (nossasenhoradoo.com.br)

 


BAZAR

Em um salão na parte externa da igreja, de frente para o famoso Frangó, funciona o bazar da igreja com diversos itens, incluindo o livro comemorativo dos 200 anos. Conheça e ajude comprando e/ou divulgando este trabalho por uma boa causa. 


Reforma em 2015